A LP&M lançou no mercado uma coleção que pretende mostrar a produção de Charles M. Schultz – algo, simplesmente, sem necessidade de qualquer comentário. É algo maravilhoso.
A coleção está dividida com a produção a cada dois anos e inicia com 1950-1952. O começo de tudo mostra os mais queridos personagens dos quadrinhos – Lucy, Schroeder, Snoopy, Linus e Charlie Brown – e este primeiro volume de Peanuts completo vem acompanhado de uma introdução escrita por um conterrâneo de Schulz, de um ensaio sobre a vida e a carreira do desenhista e de uma entrevista muito pessoal com o autor, que revela tudo sobre o “pai” do Charlie Brown. Peanuts completo encantará novos leitores – de todas as idades – e será um deleite para antigos fãs.

O segundo volume, 1953-1954, é um delicioso mergulho nos anos de formação dos personagens. Vários traços marcantes de personalidade das criações de Charles M. Schulz são aqui primeiramente apresentados, como as meditações filosóficas de Linus, a impaciência de Lucy e a excentricidade de Snoopy. Também faz sua primeira aparição Chiqueirinho, um garoto que está sempre imundo e levanta uma nuvem de sujeira por onde passa.
Este volume inclui ainda um ensaio sobre Schulz escrito pelo legendário jornalista norte-americano Walter Cronkite, uma biografia do autor, além do completo índice de personagens, objetos e temas.

O terceiro volume, 1955-1956, marca ainda um período de consolidação dos personagens principais – Lucy, Linus, Schroeder, Patty, Violet, Shermy, “Chiqueirinho”, Snoopy e Charlie Brown – e um aprofundamento de suas personalidades.
Neste volume, Linus fala suas primeiras palavras, Charlie Brown sofre a primeira decepção no beisebol e Snoopy está cada vez mais… bem, cada vez mais Snoopy. Não perca também a introdução de Matt Groening, o criador dos Simpsons, que relata a vez em que conheceu Charles M. Schulz e revela a sua tira favorita, que não lhe sai da cabeça há mais de quarenta anos.

O quarto volume, 1957-1958, reúne tiras do período de transição para os anos 60, quando o trabalho de Charles M. Schulz alcança uma popularidade sem precedentes. Esses também são anos cruciais para a transformação de Snoopy num dos mais queridos cães das histórias em quadrinhos. Aqui, além das atitudes genuinamente caninas, o beagle passa a interagir mais com as crianças da turma, encantando a todos com sua personalidade.
Charlie Brown, Linus, Lucy, Schroeder, Violet, Patty e Chiqueirinho vivem suas próprias aventuras. Também neste volume você vai encontrar algumas das histórias mais marcantes de Peanuts, que se tornaram tiradas clássicas, como a decepção anual de Charlie Brown ao não receber nenhum cartão de dia dos namorados. Fica difícil não se apaixonar por eles.

Imperdível para os fãs e para os que não conhecem. O material é riquíssimo e vale a leitura de tempos em tempos. Vamos aguardar pelos próximos lançamentos com ansiedade!