Foi lançado sábado, na Feira do Livro de Caxias do Sul, uma publicação cultural diferente. Reunindo colaboradores de Natal, Rio de Janeiro, São Paulo, Florianópolis, Porto Alegre, Passo Fundo e também da terrinha, o jornal Lasanha recheia 16 páginas com contos, crônicas, poesias, pensamentos, fotografias e cartoons. Idealizada pelo publicitário Igor Luchese, a ideia nasceu de uma provocação de Jayme Paviani, ex-professor dele.

– Estávamos relembrando de como era legal quando participávamos de uma revista literária na Unisinos. Ele me cutucou e eu pensei: vou fazer. No início era para ser de literatura, depois virou uma publicação de cultura – explica Luchese, que além de ser o “juntador de material da revista”, contribui com textos.

O incentivador Paviani também empresta ideias nesta primeira edição do Lasanha, assim como José Clemente Pozenato, Júlio Soares, Dhynarte de Borba e Albuquerque, Gabriel Leonardelli, Iotti, entre outros.

Com páginas coloridas e impressão em papel reciclado no formato standard (com 53 centímetros de altura), o jornal será vendido a R$ 10, na Feira do Livro e na Livraria do Maneco.

– Queria um espaço para que as pessoas que não estão no circuito comercial pudessem escrever. O resultado foi muito além do que eu esperava – diz Luchese.

O jornal não teve nenhum tipo de financiamento público, nem possui anunciantes, mas deve circular nas cidades de todos os seus colaboradores. A publicação será anual e ficará à disposição também na internet, a partir do dia 15 (www.jornallasanha.com.br). Quem quiser colaborar com a próxima edição pode enviar e-mail para igor@bagpropaganda.com.br.

Anúncios